---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Secretaria da Pesca de Penha reforça apoio ao pescador e saúda passagem do 29 de junho

Publicado em 30/06/2020 às 15:48 - Atualizado em 30/06/2020 às 15:51

Segunda fase contou com repasse de botas, calças e outros apetrechos
Créditos: Divulgação/PMP Baixar Imagem

A Secretaria da Pesca e Agricultura da Prefeitura de Penha aproveitou o Dia do Pescador Artesanal – 29 de junho – para ampliar o atendimento aos pescadores nesta segunda-feira, e encerrou hoje (terça, 30 de junho) uma das principais ações do ano: a entrega do Kit Pescador. Além da penúltima etapa da segunda fase de entrega do kit, o titular da pasta, Rubens João de Souza Filho, o Rubinho, informa que também houve o repasse de estivas para esses profissionais.

Somente pela manhã, foram entregues 45 kits em Armação do Itapocoróy, segundo detalha Rubinho, juntamente com as estivas, distribuídas nos portos pesqueiros onde houve solicitação. Nesta terça-feira, a secretaria finaliza a entrega dos 290 kits, compostos da tinta envenenada (entregue na primeira fase, em abril) e agora as calças oleadas, botas, capas e coletes, da segunda fase.

A etapa desta terça-feira finaliza o repasse nas comunidades pesqueiras do Rio Iriri, Gravatá e Prainha de São Miguel, além de Armação. Um total de 358 latas de tinta foi entregue já em abril aos pescadores dessas quatro comunidades.

“Nesse ano, a fim de evitar aglomerações, não fizemos solenidade de entrega”, observou o prefeito Aquiles da Costa. O programa foi dividido em duas fases por conta do prazo de confecção dessas vestimentas – o atraso deve-se à paralisação das empresas de confecção durante a quarentena. Para Aquiles, encerrar a entrega na semana dedicada ao pescador é importante, para reverenciar esses profissionais pela passagem do 29 de junho.

Balanço positivo

O secretário Rubinho aproveitou para efetuar um balanço das atividades destes seis meses em que está à frente da secretaria. Segundo ele, na Barra de Penha, ou seja, no Rio Iriri, o alongamento do molhe e o desassoreamento foram benéficos aos pescadores do centro, num trabalho supervisionado pelo prefeito Aquiles.

Já na Prainha de São Miguel, o novo poste de energia elétrica recebeu manutenção e novas tomadas para fornecimento de energia, e também calhas e estivas foram repassadas, bem como novo cabo de aço.

O Governo Municipal atuou também em Armação do Itapocoróy, com calhas, estivas, iluminação na localidade do Beco e ainda pneus novos para o trator que promove a puxada das embarcações. No Gravatá, houve duas manutenções do guincho, estiva, manutenção da rede elétrica, e instalação de novos bancos.

“Nós hoje efetuamos a manutenção permanente dos tratores à disposição dos pescadores, com puxadas diárias das 7h da manhã às 13h. Somente o trator de Armação, por exemplo, auxilia mais de 500 embarcações nessas puxadas”, observa o coordenador de Pesca Paulo Renato de Souza.

Há ainda o serviço de fiscalização da alta temporada, em que um funcionário orienta banhistas a não entrar em barcos da pesca em Armação do Itapocoróy – lei municipal proíbe a prática – e todo um apoio prestado pelo servidor Nicélio da Costa, na secretaria, com emissão de notas ao produtor, recadastramento do Incra e orientações diversas.

Rubinho finaliza destacando que os pescadores que até esta terça-feira não receberem seus kits, podem pegá-los a partir de quarta, 1º de julho, diretamente na sede da Colônia de Pesca Z-5, em Armação. A colônia abre de segunda a sexta-feira, das 12h à 18h.

 

Assessoria de  Imprensa da Prefeitura de Penha
Jornalistas Adriano de Souza e Juvan Neto