---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


65% aprovam encenação, local e cenário da Paixão de Cristo em Penha, aponta pesquisa

Publicado em 14/05/2019 às 16:04 - Atualizado em 14/05/2019 às 16:04

Wesley e equipe do turismo e cultura distribuíram 10 perguntas a 112 participantes da encenação
Créditos: Juvan Neto/PMP Baixar Imagem

Pesquisa finalizada

65% aprovam encenação, local e cenário da Paixão de Cristo em Penha

65 por cento dos participantes do espetáculo da Paixão de Cristo promovido pelo Departamento de Cultura da Prefeitura de Penha aprovaram a encenação, o local e o cenário do evento. O dado expressivo é resultante de pesquisa promovida pelo aluno do curso superior de Turismo e Hotelaria da Univali, Wesley Miguel, com 112 participantes que assistiram o drama na última Sexta-feira Santa, dia 19 de abril, ocorrido nas ruínas da antiga Pescados Krause, no Parque Municipal de Eventos.

Wesley, atualmente estagiário na Secretaria de Turismo de Penha, elaborou 10 perguntas e tabulou todas as respostas, contabilizando a porcentagem do retorno dos pesquisados, que as responderam através de um link internet, consolidando uma metologia técnica para avaliação da Secretaria de Turismo e também do Departamento de Cultura. Todos os 112 entrevistados participaram da encenação, que foi dirigida pelo professor e diretor Eduardo Bajara, com 40 atores amadores.

A sondagem ainda apurou que 84% dos entrevistados era de Penha, mas também registrou participantes de Navegantes, Balneário Piçarras e Barra Velha. A faixa etária predominante dos participantes ficou entre 30 e 45 anos de idade (50% do total), e nada menos que 78% do público soube da Paixão de Cristo pela internet ou redes sociais. Wesley e o secretário de Turismo, Edpo Cristiano Bento, frisam ainda que 91% afirma ter ficado “emocionado” ou “muito emocionado” com a dramatização da saga bíblica.

As perguntas foram repassadas pelas equipes do Turismo e da Cultura aos internautas. Wesley ainda sondou o que deve ser melhorado em próximas edições – 28% pediram que a atração traga opções gastronômicas para as famílias, e 22% pediram melhor estrutura aos banheiros químicos. “O público ainda pediu mais arquibancadas, além das novas instaladas esse ano pela Prefeitura”, observa Edpo. Outra cobrança foi que a encenação passe a ter voz ao vivo dos atores, e não mais gravada.

Na visão do secretário Edpo, pesquisas como essa servem para melhorar a promoção de eventos no setor e apontar o perfil do público que prestigia eventos como a peça teatral ao ar livre.

 

Saiba mais

 

A edição 2019 da Paixão de Cristo de Penha foi um sucesso de público. Com Beto Leite novamente no papel de Jesus, a Paixão ocorreu no cenário especial das ruínas da antiga Pescados Krause, no centro de Penha, com luzes, cores e sonorização que deram o tom do maior drama da histórica.

As ruínas serviram para cenas como a apresentação do Cristo a Pôncio Pilatos; a libertação de Barrabás e as palavras imortais de Jesus. O entorno das ruínas serviu para a cena da via crucis, a traição de Judas e a oração no horto.

A subida lateral esquerda do prédio abandonado foi o ponto do Gólgota (morro da cruz), cenário da crucificação. Aproximadamente 2.500 espectadores, o dobro de 2018, prestigiaram o evento.